quarta-feira, 19 de agosto de 2009

22... e a vida continua!

Sempre escrevo algo sobre meu aniversário.
Mas hoje basta dizer que estou satisfeito.
Tudo corre a favor do mar... tudo para ao por-do-sol
E o mais importante é que cada vez mais estou derrubando as margens que aprisonavam.
Entre outras coisas.. estou com saudades de escrever.
Assim que tiver um tempo e o alcool for suficiente sentarei e destilarei o veneno da cretina bíllis... a cabeça está a mil.. mas me falta poesia na correria.
Ou me falta tempo na poesia.
Ou me falta correria no tempo.
Ou sei lá... pode ser que não falte nada.


A falta deve ser minha.





Beijos etílicos em suas virílhas.

22... e a vida continua!

3 comentários:

J. disse...

eba!
beijos etílicos
e que o sr do tempo tenha compaixão.

Ji... disse...

22... Ainda tão garoto!!!
Causa-me tamanha inveja... rs
Muito sucesso pra ti, poeta...
E que ainda venha poesia por aí!!!
Beijos...

Marco Aurélio disse...

A vida passa que é um horrô
um dia a gente faz xixi na fralda
no outro já é vovô

portanto digo feliz:
pegue a cerveja na geladeira
e beba tudo que sempre quis!

Parabéns hóme